O que significa "orar em línguas"?

sábado, novembro 23, 2013


O que significa “Orar em Línguas”?
Por Olavo Barreto

Este fenômeno é conhecido como "Glossolalia". Existem algumas passagens bíblicas que relatam a existência de desse fenômeno. Coríntios é uma delas:
“Aquele que fala em línguas não fala aos homens, senão a Deus: ninguém o entende, pois fala coisas misteriosas, sob a ação do espírito” (1 Cor 14,2).

Em Atos dos Apóstolos observamos outra indicação sobre o fenômeno:
“Estando Pedro ainda a falar, o Espírito Santo desceu sobre todos os que ouviam a (santa) palavra. Os fiéis da circuncisão, que tinham vindo com Pedro, profundamente se admiraram, vendo que o dom do Espírito Santo era derramado também sobre os pagãos; pois eles os ouviam falar em outras línguas e glorificar a Deus.” (At 10, 44-46).

Romanos 8 trata também dos "gemidos inefáveis". Vamos observar em outras passagens a menção do fenômeno como "línguas de fogo". A experiência da "glossolalia" foi por muito tempo algo restrito à vivência das primeiras comunidades cristãs. Este fenômeno é sinal daquele que decidiu-se pelo caminho de Cristo (Cf. Mc 16,17).

É importante destacar que a "glossolalia" é diferente da "xenoglossia". Enquanto na primeira o sujeito ora em linguagem desconhecida, na segunda o sujeito ora em linguagem desconhecida apenas à ele. Ou seja, nesta última, alguém ora em latim sem ter tido contato direto com esta língua. Alguns leitores especializados da Bíblia afirmam que este fenômeno pode ter se manifestado também na experiência das primeiras comunidades cristãs, como se relata em Atos dos Apóstolos no capítulo 2.
Vale salientar que o fenômeno citado nada tem a ver com sacramento ou sacramental. É mais uma experiência de oração.

Olavo Barreto é pregador e formador do Grupo de Oração Rainha da Paz – RCC Gurinhém/PB. Estuda Letras (Língua Portuguesa) na UFCG. Na diocese que participa prega em Seminários de Vida e outros eventos da Renovação Carismática Católica.

You Might Also Like

1 comentários

  1. Belíssima explicação Olavo Barreto você me ajudou muito a compreender sobre a oração em línguas.

    ResponderExcluir

Deixe abaixo o seu comentário:

Subscribe