Ser Santos sem deixar de ser Jovens

sábado, setembro 21, 2013



"Pois Deus não nos chamou para impureza, mas para a santidade.
Por conseguinte desprezar esses preceitos é desprezar não a um
homem, mas a Deus, que nos deu o Espírito santo"
(I Tes 4, 7-8)

     Maioria dos jovens de hoje em dia acham que não dá pra viver em santidade sem perder a juventude, por pensarem que pra ser santo é preciso viver de batina e véu, trancado dentro de um quarto o dia inteiro e em oração constante (é preciso provar ao contrário). Traduzindo, viver dentro de um convento, mas o que eles não sabem é que dá pra viver em santidade sem perder a juventude, eu conheço vários jovens (não vou citar nomes) que fazem faculdade, saem com os amigos, se divertem, e namoram isso tudo sem deixar de ser santos (ah e o namoro é santo também).  

    
    Diante da falta de tempo dos jovens, a presença do pecado tenta substituir a presença de Deus. Porque o pecado tem ido até onde o jovem está, seu trabalho, sua escola, seus programas favoritos de televisão, nos ciclos de amizade. Quantas coisas tem sido oferecidas aos jovens no intuito de afastar o jovem da presença de Deus? Quantos programas de televisão, musicas e artistas se dirigem diretamente aos jovens a serviço do diabo, com intuito de fazer a força do jovem se tornar fraqueza através do pecado. Quem alguma vez assistiu malhação, pode notar isso, banalização da relação sexual antes do casamento, o grande clímax da trama é sempre uma garota que vai "perder" a virgindade com seu namorado. O pecado contra a castidade é vendido como normal, e nós compramos e pagamos caro por isso. Estamos trocando o céu pelas coisas do mundo, uma troca injusta, principalmente com Jesus, que morreu pra nos salvar.
   

    É preciso renovar nosso jeito de ser católico, não inovar (fazer algo novo), mas sim renovar (restaurar o original, e fazê-lo novo de novo), viver nossa doutrina na radicalidade que ela nos oferece, mas dentro da sociedade de hoje, não precisa mudar a doutrina, mas mudar o nosso jeito de ser. O cristão não é triste nem chato, ele usa calça jeans e anda na contramão do sistema, nos é oferecido o pecado, mas nós aceitamos a salvação, ser cristão é ser diferente, é ir dormir de madrugada depois de um retiro, é sair na rua pra gritar que Jesus te ama, é ser santo e usar camiseta e calça jeans... É ser Jovem!

You Might Also Like

0 comentários

Deixe abaixo o seu comentário:

Subscribe