Páscoa: tempo de renovação

segunda-feira, abril 01, 2013


O nome páscoa surgiu a partir da palavra hebraica "pessach" - passagem -, que para os hebreus significava o fim da escravidão e o início da libertação do povo judeu, marcados pela travessia do Mar Vermelho, que se tinha aberto para "abrir passagem" aos filhos de Israel que Moisés ia conduzir para a Terra Prometida.
Para os cristãos, a Páscoa significa a passagem de Jesus da morte para a vida. É ressurreição! Jesus é o Cristo, aleluia, aleluia... Na Igreja, as celebrações do tríduo pascal são a maneira como, nós cristãos, recordamos e atualizamos este evento da paixão, morte e ressurreição de Jesus Cristo. É na Quinta, na Sexta e no Sábado Santo que a Igreja mergulha no mistério pascal e o repete a cada domingo, fazendo memória da salvação operada por Jesus Cristo.
Na prática cotidiana da vida, Páscoa significa a renovação da nossa vida. Uma vida nova, de alegria e entusiasmo; uma vida com o Deus vivo e atuante na história, uma vida com cidadania e fartura; uma vida sem miséria, com pão; uma vida de comunidade e compromisso social. A Páscoa bem celebrada deve renovar a nossa fé: da pequenez para a altivez, do eu para o nós, do pessoal para o comunitário. Páscoa significa renovação da pessoa de fé e conversão das estruturas de evangelização.
É preciso se dispor a essa renovação, pois Deus espera por cada um de nós e nos quer criaturas novas. Páscoa é um tempo de renovação pessoal e eclesial, quem sabe as posturas do Papa Francisco, com a sua simplicidade, nos ajudem nessa renovação.
Feliz Páscoa!
Padre Tarcisio Rech

You Might Also Like

0 comentários

Deixe abaixo o seu comentário:

Subscribe